Segunda-feira, 22 de julho de 2024

Segunda-feira, 22 de julho de 2024

Voltar Por que os restaurantes oferecem pão e álcool antes das refeições? Não é por educação e sim por estratégia

Ao chegar em um restaurante, os garçons servem uma entrada, que normalmente é uma cesta de pães, e logo em seguida, ele apresenta a carta de bebidas alcoólicas. Para muitas pessoas a atitude é vista como uma conveniência e até educação, porém, segundo um especialista norte-americano, isso não passa de uma estratégia.

O neurocientista Daniel Amen viralizou nas redes sociais, ao explicar que os itens fornecidos pré-refeição afetam o cérebro e tornam mais difíceis para as pessoas controlarem seus impulsos. Em outras palavras, eles abrem o apetite e fazem as pessoas gastarem mais no estabelecimento.

Tanto o pão quanto o álcool liberam serotonina no cérebro, fazendo você se sentir mais feliz e calmo. As pessoas erroneamente, acreditam que o alimento e a bebida podem deixar o estômago mais cheio, porém, a serotonina eventualmente cai, deixando as pessoas em busca dessa sensação prazerosa, que é preenchida com mais comida.

“Quando você vai a um restaurante, a primeira coisa que eles fazem é colocar pão na mesa e perguntar se você quer álcool, porque os dois deixam cair seus lobos frontais. Ambos aumentam a probabilidade de você pedir mais e gastar mais dinheiro no restaurante”, disse Amen.

O lobo frontal é a parte do cérebro humano envolvida em todos os tipos de funções de ordem superior – coisas como planejamento, resolução de problemas, motivação, julgamento, comportamento social e controle de impulsos.

Pico de açúcar

“O pão proporciona um pico de açúcar no sangue que então empurra a serotonina para o cérebro e o deixa feliz”, explica Amen. Porém, este pico também cai, deixando a pessoa com mais fome, o que a faz pedir mais comida. E consumir álcool tem o mesmo efeito.

Seja qual for o caso, porém, a hospitalidade em restaurantes é um grande negócio. E parte desse negócio é fazer com que o cliente se sinta bem-vindo para que gaste dinheiro.

Cérebro mais sensível

De acordo com um estudo recente, o consumo de álcool deixa o cérebro mais sensível à aromas e alimentos, o que resulta no aumento da ingestão calórica. Os resultados revelam que o álcool pode fazer com que os aromas dos alimentos fiquem mais atraentes. Como a comida fica com um cheiro melhor, o corpo se sente obrigado a comer mais.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Madrugada