Quinta-feira, 30 de maio de 2024

Quinta-feira, 30 de maio de 2024

Voltar Seleção brasileira é dominada pela França e perde jogo amistoso preparatório para o Campeonato Mundial de Vôlei

Em meio aos últimos preparativos para o Mundial, que se inicia na próxima semana na Eslovênia e na Polônia, a seleção brasileira masculina de vôlei entrou em quadra para um amistoso neste sábado em Montpellier, na França, e acabou derrotada pelas donas da casa por 4 sets a 0, com parciais de 17/25, 17/25, 22/25 e 19/25.

Renan Dal Zotto mandou à quadra, no primeiro set, Bruninho, Wallace, Leal, Lucarelli, Aracaju e o líbero Thales. O desfalque para a partida foi o central Lucão, que sofreu uma entorse no tornozelo direito na última semana e segue como dúvida para a disputa do torneio. Desde o primeiro set, a atual seleção campeã olímpica impôs um forte ritmo de ataque e se aproveitou dos erros defensivos brasileiros para criar uma situação confortável na partida.

Se os treinadores mandaram as equipes titulares nos primeiros sets, a situação foi oposta a partir do terceiro set. A França descansou seus principais atletas, enquanto o Brasil manteve seus principais nomes em quadra. Apesar das mudanças, a situação do jogou pouco mudou e a seleção francesa seguiu dominante e fechou o terceiro set em 25/22. Em comum acordo, as seleções decidiram jogar um quarto set, que novamente terminou com vitória francesa, desta vez por 25/19.

No grupo B do mundial,  que sera realizado de forma conjunta na Eslovênia e na Polônia, a seleção comandada por Renan Dal Zotto estreia no torneio contra Cuba, no próximo dia 26, mesmo dia que a França enfrenta a Alemanha. Dois dias depois, o Brasil enfrenta o Japão e encerra a participação na primeira fase frente ao Catar, no dia 30.

Despedida de Sheilla

Sheilla fez seu jogo de despedida do vôlei na sexta-feira (19). Bicampeã olímpica, a oposta reuniu na Arena UniBH companheiras dos títulos em Pequim-2008 e Londres-2012, além de outros jogadores importante do vôlei brasileiro. Aos 39 anos, Sheilla fez sua última partida pela seleção brasileira na Liga das Nações.

Na última temporada, Sheilla acumulou funções na comissão técnica do Minas. Na sexta-feira, Sheilla e os demais convidados vestiram uniformes azul, na equipe Londres, e verde-amarelo, no time Pequim. As duas equipes carregavam o distintivo do Minas Tênis Clube.

Entre os convidados do evento, estiveram em quadra Fernanda Garay, Fofão, Macrís, Serginho Escadinha, Regiane, Natália, Gabi, Fabi, Carol Gattaz e o treinador José Roberto Guimarães.

Ao fim do jogo, Sheilla foi jogada para o alto pelos companheiros. Ela marcou o ponto final do jogo, dando vitória para o time Pequim (2 sets a 1), lembrando a jogada de meio-fundo que coroou Sheilla na conquista do título nos Jogos Olímpicos da capital chinesa. A jogadora recebeu flores, posou para fotos com as filhas e outros parentes. Dona Terezinha, sua avó, foi responsável por entregar uma placa especial.

“Gratidão por todos que vieram e fizeram essa festa especial. Estou muito emocionada. Segurei muito para não chorar, mas esse momento iria chegar. Grata por tudo que consegui construir no vôlei. Sempre dei o meu máximo nos jogos e treinos. Tudo o que aconteceu foi por uma construção diária minha”, disse ao fim do jogo.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show da Tarde