Quarta-feira, 24 de julho de 2024

Quarta-feira, 24 de julho de 2024

Voltar Secretário dos Estados Unidos diz ser “chocante” como ataques terroristas do Hamas já caíram no esquecimento de muitos

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, chamou de “impressionante” e “chocante” que o ataque do Hamas em 7 de outubro a Israel “tenha retrocedido tão rapidamente na memória de tantos” durante uma entrevista coletiva em Tel Aviv nessa sexta-feira.

Blinken descreveu um dos vídeos sobre o ataque do Hamas que as autoridades israelenses lhe mostraram.

“Eu vi, por exemplo, uma família em um kibutz, um pai (de) dois meninos – talvez 10, 11 anos – agarrando-os, puxando-os para fora da sala de estar, passando pelo seu quintal muito pequeno e entrando em um abrigo, segundos depois eles são seguidos por um membro do Hamas que lança uma granada naquele pequeno abrigo. E então, quando o pai sai cambaleando, atira nele. Os meninos saíram e correram para a casa deles, e a câmera da casa estava filmando tudo. E eles estão chorando. ‘Onde está o papai?’ um diz. O outro responde: ‘Eles mataram o papai. Onde está minha mãe? E então os terroristas entram, abrem casualmente a geladeira e começam a comer”, conta o secretário de Estado.

O principal diplomata dos EUA também expressou simpatia pela situação dos civis palestinos, dizendo que vê os seus próprios filhos quando vê imagens de “crianças palestinas, meninos e meninas, retirados dos destroços e dos edifícios”.

“O Hamas não se importa nem um segundo nem um pingo com o bem-estar, com o bem-estar do povo palestino”, disse Blinken. “Usa-os de forma cínica e monstruosa como escudos humanos, colocando seus comandantes, armas e munições dentro ou por baixo de edifícios residenciais, escolas, mesquitas, hospitais.”

Blinken disse que os EUA ainda pressionam Israel para minimizar as baixas civis. “Fornecemos a Israel conselhos que apenas os melhores amigos podem oferecer sobre como minimizar as mortes de civis, ao mesmo tempo que alcançamos os seus objetivos de encontrar e acabar com os membros do Hamas e a sua infraestrutura de violência”, acrescentou.

Drones procuram reféns

Drones dos Estados Unidos estão sobrevoando Gaza para ajudar nas buscas pelos israelenses mantidos reféns pelo Hamas. A informação foi confirmada pelo Departamento de Defesa dos EUA – o Pentágono.

“Em apoio aos esforços de recuperação de reféns, os Estados Unidos estão realizando voos de veículos aéreos não tripulados desarmados sobre Gaza, e fornecem assessoria e assistência para apoiar nosso aliado israelense, enquanto trabalha em seus esforços de recuperação de reféns”, disse o porta-voz do Pentágono, o general da brigada Pat Ryder, em um comunicado.

Segundo Israel, mais de 240 pessoas ainda estão sob o poder do grupo terrorista.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show da Tarde