Segunda-feira, 24 de junho de 2024

Segunda-feira, 24 de junho de 2024

Voltar Saiba quais líderes vão à posse de Javier Milei na Argentina

Neste domingo (10), acontece a cerimônia de posse do presidente eleito da Argentina Javier Milei. O evento marca a passagem de bastão de Alberto Fernández ao ultradireitista.

Ao longo da campanha eleitoral, o líder do partido La Libertad Avanza fez declarações controversas sobre alguns líderes mundiais, incluindo o presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, a quem descreveu como um “comunista”. Em mais de uma ocasião, o então candidato também falou sobre as alianças internacionais do seu governo, limitando-as aos Estados Unidos e a Israel.

Agora, com a posse, Milei suavizou o tom.

Veja a lista de líderes confirmados

Luis Lacalle Pou – Uruguai
O presidente do Uruguai é um dos líderes que confirmou presença. Ele viajará a Buenos Aires neste sábado (9), segundo a comunicação da Presidência.

Gabriel Boric, Chile
A presença de Gabriel Boric foi confirmada na última semana pela ministra da Secretaria-Geral de Governo, Camila Vallejo.

“A decisão foi tomada, o presidente representa o Estado do Chile e, como sempre foi feito, estará presente”, disse Vallejo.

“É um padrão que o presidente tem para todos os casos: construir e fortalecer as relações diplomáticas do Estado com todos os países, independentemente de estarmos ou não aliados a um determinado governo”, afirma a secretária-geral.

Santiago Peña, Paraguai
O paraguaio Santiago Peña será um dos líderes presentes na cerimônia, conforme confirmou o chanceler do país Rubén Ramírez Lezcano.

“O presidente Peña aceitou o convite do presidente Javier Milei para participar da cerimônia de posse no dia 10 de dezembro em Buenos Aires”, disse Lezcano a uma mídia local.

Daniel Noboa, Equador
O recém-eleito Daniel Noboa também estará presente na cerimônia.

Viktor Orbán, Hungria
O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, foi um dos que confirmou presença por meio de uma mensagem no X (antigo Twitter).

“Recentemente conversei com Javier Milei e o parabenizei pela sua impressionante vitória nas eleições presidenciais argentinas. Estou ansioso para começar a trabalhar com um verdadeiro patriota! Vejo vocês na posse em Buenos Aires”, diz a postagem.

Renato Florentino Pineda, Honduras
O vice-presidente de Honduras viajará a Buenos Aires em nome da presidente Xiomara Castro, segundo um comunicado da presidência.

Rei Felipe VI da Espanha
A presença do monarca espanhol, Felipe VI, foi confirmada na semana passada.

Personalidades na posse

Jair Bolsonaro – ex-presidente do Brasil
Bolsonaro é um dos que mais comemorou com a vitória do ultradireitista. O deputado Eduardo Bolsonaro, viajou ao país durante o primeiro turno das eleições, para acompanhar Milei, enquanto aguardava o resultado das urnas.

O ex-mandatário viajou ao país vizinho na quinta (7) para participar da solenidade e nesta sexta-feira (8) se encontrou com Milei. Um vídeo que registrou cenas do encontro entre Bolsonaro e Milei mostra os dois acompanhados pelo ex-secretário de Comunicação da Presidência Fabio Wajngarten, pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP), pelo presidente do PL, Valdemar Costa Neto, e pelo ex-ministro Gilson Machado Neto em uma sala.

Santiago Abascal – presidente da VOX
O presidente do partido espanhol de extrema-direita VOX, Santiago Abascal, também foi convidado para a cerimônia e estará na posse. Abascal foi um dos primeiros líderes políticos a parabenizar Milei pela vitória, com uma mensagem no dia 19 de novembro acompanhada de uma fotografia de ambos. “Parabéns querido Javier Milei pela sua grande vitória nas eleições presidenciais argentinas. Hoje se abre um caminho de futuro e de esperança para os argentinos e toda a América Latina que celebramos na Espanha com especial alegria. Livres do socialismo!”, escreveu o líder.

Líderes que não vão à cerimônia
Lula – Brasil
“Lula não irá para Buenos Aires”, disse o ministro da Secretaria de Comunicação da Presidência. O governo brasileiro será representado pelo ministro das Relações Exteriores Mauro Vieira, que foi embaixador em Buenos Aires por oito anos.

Joe Biden – Estados Unidos
Biden não estará presente na cerimônia de posse devido a outros compromissos em sua agenda. A delegação dos EUA será liderada pela secretária de Energia, Jennifer Granholm.

Daniel Ortega, Nicarágua
Dias depois da posse de Milei, o ministério das Relações Exteriores da Nicarágua anunciou que retirará seu embaixador da Argentina, Carlos Midence, devido a “repetidas declarações dos novos governantes”.

Nayib Bukele, El Salvador
Embora o presidente de El Salvador, Nayib Bukele tenha sido um dos que parabenizou Milei pela vitória e não escondeu a simpatia pelo argentino, o presidente comunicou que não faria parte do grupo que vai participar da posse. Bukele está afastado da Assembleia Legislativa para se dedicar à campanha eleitoral para presidente, em fevereiro do ano que vem. Medida que foi vista como inconstitucional pela oposição.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Caiçara Confidencial