Terça-feira, 28 de maio de 2024

Terça-feira, 28 de maio de 2024

Voltar Rússia promete retaliação contra a Ucrânia após ataque a navio petroleiro

A Rússia disse neste sábado (05) que punirá a Ucrânia por usar um drone marítimo para atacar um navio-tanque civil perto do Estreito de Kerch, no que classificou como um “ato terrorista” que ameaçou a vida da tripulação e gerou risco de “um desastre ambiental em grande escala”.

Ambos os lados disseram que um drone marítimo ucraniano cheio de explosivos atingiu um navio-tanque russo durante a noite perto de uma ponte que liga a Rússia à Crimeia anexada, no segundo ataque desse tipo em 24 horas.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, disse que Moscou retaliará. “O regime de Kiev, sem receber nenhuma condenação dos países ocidentais e das organizações internacionais, está aplicando ativamente novos métodos terroristas, desta vez nas águas do Mar Negro”, disse Zakharova em comunicado.

“Não pode haver justificativa para tais ações bárbaras, elas não ficarão sem resposta e seus autores e perpetradores serão inevitavelmente punidos.” O ex-presidente russo Dmitry Medvedev sugeriu neste sábado que Moscou lançará mais ofensivas contra portos ucranianos em resposta aos ataques de Kiev a navios russos no Mar Negro.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Caiçara Confidencial