Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Voltar Quase dez dias após acidente envolvendo carro e ônibus na Zona Norte de Porto Alegre, os motoristas continuam na UTI

Transcorridos nove dias desde a colisão de um ônibus contra um automóvel na avenida Assis Brasil, Zona Norte de Porto Alegre, os dois motoristas permanecem em estado grave. Eles estão internados na unidade de terapia intensiva (UTI) do Hospital Cristo Redentor, ambos com politraumatismo – o condutor do carro também sofreu queimaduras.

O acidente ocorreu por volta das 11h do dia 22 (terça-feira), próximo à rótula da avenida Bernardino Silveira Amorim, bairro Sarandi. Conforme testemunhas, o coletivo (com 30 passageiros, a maioria crianças) se dirigia para um evento de dança em Novo Hamburgo (Vale do Sinos) quando ficou desgovernado e atingiu um Chevrolet Corsa.

Imprensado contra um caminhão, o veículo abalroado acabou pegando fogo. Seu único ocupante foi retirado por populares, enquanto as chamas se alastravam. Já o motorista do ônibus (que parou em uma árvore) precisou da ajuda de bombeiros para sair das ferragens, enquanto 14 passageiros eram atendidos em hospitais da região – sem ferimentos graves, voltaram para casa no mesmo dia.

As causas e circunstâncias do acidente são investigadas pela Polícia Civil, que ainda não informou a identidade dos motoristas. As principais hipóteses são falha humana (um mal súbito pelo condutor caminhão, por exemplo) ou mecânica (veículo sem freios, dentre outras possibilidades). Também é aguardada a conclusão de laudos periciais e análise de imagens de câmeras da região.

Já se sabe que o coletivo que atingiu o Corsa estava rodando havia 34 anos (14 a mais do que o permitido pela legislação brasileira) e estava em situação clandestina, sem autorização para transportar passageiros desde 2018.

Naquele ano, a empresa – sediada em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre – deixou de atualizar em 2018 a licença da Fundação Estadual de Planejamento Metropolitano e Regional (Metroplan) para esse tipo de serviço. Já no Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), o registro permanece pendente desde 2020.

Morte de motociclista

Também na Zona Norte da capital gaúcha, o choque contra um poste causou a morte do condutor de uma motocicleta na tarde desta quinta-feira (31). O acidente ocorreu na avenida Ernesto Neugebauer próximo à rua Júlio Juraci da Luz, bairro Humaitá.

A vítima foi projetada por vários metros e acabou se ferindo fatalmente ao atingir o meio-fio. Trata-se de Brayan Luiz de Araújo Braz, 20 anos. Ele chegou a ser socorrido mas teve o óbito constatado no local. O caso é investigado pela Polícia Civil.

(Marcello Campos)

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Madrugada