Quinta-feira, 30 de maio de 2024

Quinta-feira, 30 de maio de 2024

Voltar PSG ofereceu Neymar emprestado ao Barcelona para contratar Dembélé

O Paris Saint-Germain (PSG) acertou a contratação do francês Dembélé, atacante do Barcelona. O PSG pagou a multa rescisória de 50 milhões de euros (R$ 267 milhões) prevista no contrato do jogador de 26 anos. Dembelé já está em Paris para a realização de exames médicos e vai firmar um acordo válido até junho de 2028 com o clube da capital francesa. As informações são do jornalista Fabrizio Romano, especializado no mercado de transferências, e de veículos de imprensa espanhóis e franceses, como o jornal “Sport” e a rádio “RMC”.

Entretanto, durante as conversas, o clube francês, tentando baixar esse valor, ofereceu o brasileiro Neymar por empréstimo, mas a operação foi rejeitada pelo Barça. A informação é do jornal espanhol Sport.

Neymar atuou na Catalunha entre 2013 e 2017 e formou o trio MSN com Messi e Suárez, atualmente no Grêmio. A saída do atleta brasileiro de 31 anos é vista com bons olhos pela diretoria do PSG, principalmente pelas drásticas mudanças que estão sendo feitas no time titular.

Em junho, de acordo com o diário esportivo Sport, Neymar teria se oferecido para retornar a Barcelona e, inclusive, estaria disposto a reduzir seu alto salário que ganha no PSG para que o acordo seja fechado. O time da Catalunha precisa vender jogadores para aliviar a folha salarial e poder trazer novos atletas.

Messi foi dispensado após o fim de seu contrato e está no Inter Miami, dos Estados Unidos, e Mbappé também pode estar de saída para o Real Madrid, da Espanha. Entretanto, o brasileiro não recebeu nenhuma oferta vantajosa para ambos os lados.

Desta maneira, sabendo que Neymar aceitaria ir para o clube blaugrana, a diretoria do PSG tentou incluir o brasileiro na negociação por Dembélé, mas o técnico Xavi, do Barcelona, que atuou com o brasileiro durante sua passagem na Espanha, entende que para o atual projeto, ele não é um jogador que a comissão técnica precisa no vestiário.

Na onda de contratações para clubes da Arábia Saudita, Neymar recusou a ida para o Oriente Médio apesar de ter recebido várias propostas. Já na Inglaterra, o camisa 10 da Seleção Brasileira teve algumas aproximações com o Chelsea, mas sem chegar a nenhum acordo.

Neymar já deixou claro que sua intenção é ficar no PSG e, inclusive, participou do amistoso contra o Jeonbuk, na Coreia do Sul, onde voltou aos gramados depois de quase seis meses e marcou dois gols.

 

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show da Tarde