Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Segunda-feira, 15 de julho de 2024

Voltar Porto Alegre disponibilizará sistema de pânico nas escolas municipais e conveniadas

Uma parceria entre a Prefeitura de Porto Alegre, o Instituto Cultural Floresta e a empresa BeOn vai viabilizar a instalação de sistema para acionamento de botão de pânico por aplicativo nas 98 escolas da rede municipal de ensino e também nas 214 parceirizadas da educação infantil. A decisão foi tomada em reunião nesta quinta-feira, 6, quando o prefeito Sebastião Melo recebeu o presidente do Conselho Consultivo da entidade, Claudio Goldsztein, e o fundador do BeOn, Gustavo Caleffi, no Centro Administrativo Municipal Guilherme Socias Villela.

“A segurança dos nossos estudantes é prioridade. Temos um conjunto de medidas já implantadas nas escolas e a parceria com o Instituto Floresta vai garantir esse avanço fundamental para buscar a tranquilidade dos profissionais, familiares, estudantes e de toda a comunidade escolar. É mais uma parceria em benefício do cidadão” – Prefeito Sebastião Melo.

Além da rede municipal, o sistema ficará disponível para demais instituições das redes pública e privada que desejarem utilizá-lo. Conforme Goldsztein, o aplicativo BeOn será disponibilizado sem custos para o Município, com uma adaptação específica com foco na segurança das escolas. “Temos compromisso com a pauta da segurança e, neste momento, precisamos somar esforços em busca de ambientes sadios nas escolas”, disse.

A partir da próxima semana, as equipes das secretarias municipais de Educação e Segurança e dos dois parceiros farão vistorias e irão propor um cronograma de implantação, que envolve treinamentos das equipes.

Acionamento – O aplicativo possui um botão de pânico, que, em caso de emergências, pode ser acionado por professores e servidores cadastrados. O sistema enviará um alerta para o Centro Integrado de Comando de Porto Alegre (Ceic), que acionará as forças de segurança e demais órgãos em alertas que ocorram nos endereços pré-cadastrados das escolas e creches.

Ações de segurança – A Secretaria Municipal de Educação (Smed) conta com um Núcleo de Segurança, que coordena o programa de proteção aos alunos, professores e funcionários, além dos prédios das escolas. As principais medidas já implementadas são a contratação de serviço de vigilância 24 horas por dia, sistema de monitoramento de câmeras em tempo real e comunicação integrada com a Guarda Municipal. Além disso, são realizadas oficinas de capacitação para os integrantes da Comissão Interna de Prevenção a Acidentes e Violência na Escola (Cipave).

Também participaram da reunião os secretários municipais de Educação, Sonia da Rosa, de Segurança, Alexandre Aragon, de Planejamento e Assuntos Estratégicos, Cezar Schirmer, e vereadores.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Madrugada