Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Voltar Polícia realiza operação para desarticular organização criminosa que desviava dinheiro da Fase-RS

A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta terça-feira (12), a Operação Firenze para desarticular uma organização criminosa que desviava recursos da Fase-RS (Fundação de Atendimento Sócio-Educativo do Rio Grande do Sul), localizada em Porto Alegre.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na Capital e em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos. Segundo o delegado Max Otto Ritter, funcionários de um instituto contratado para abrigar adolescentes infratores se utilizavam de termos de parcerias firmados com o Poder Público para desviar parte dos valores recebidos, que deveriam ser destinados para fins sociais vinculados à Fase-RS.

De acordo com as investigações, os desvios de recursos aconteciam desde 2018, gerando prejuízo de cerca de R$ 370 mil aos cofres do governo gaúcho. Não há indícios de envolvimento de funcionários públicos no esquema criminoso.

“As buscas tiveram por objetivo a apreensão de documentos e demais objetos de interesse às investigações, a fim de identificar a responsabilidade de todos os envolvidos”, informou a Polícia Civil.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Governo do Japão congela bens de 398 russos, incluindo as filhas do presidente Vladimir Putin
Ministro do Tribunal de Contas da União visita o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Deixe seu comentário

No Ar: SHOW DA TARDE