Quinta-feira, 13 de junho de 2024

Quinta-feira, 13 de junho de 2024

Voltar Papa volta a pedir “cessar-fogo humanitário imediato” na Faixa de Gaza

O papa Francisco renovou nesta quarta-feira (13) o seu apelo por um cessar-fogo na guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas na Faixa de Gaza, onde já foram contabilizadas mais de 18,4 mil mortes desde 7 de outubro, quando o conflito começou.

“Continuo acompanhando o conflito em Israel e na Palestina com grande preocupação e dor. Renovo meu apelo por um cessar-fogo humanitário imediato. Se sofre tanto lá”, declarou o pontífice no final da sua audiência geral no Vaticano.

O líder da Igreja Católica encorajou “todas as partes envolvidas a retomarem as negociações” e pediu a “todos que assumam o compromisso urgente de levar ajuda humanitária à população de Gaza, que está exausta e realmente precisa dela”.

Além disso, Francisco lançou novamente um apelo para a libertação de todas as pessoas feitas reféns pelo Hamas. “Todos os reféns que tinham visto esperança na trégua de alguns dias atrás devem ser libertados imediatamente. E que termine esse grande sofrimento para os israelenses e palestinos”, disse o papa. “Por favor, não às armas, sim à paz”, prosseguiu.

Por fim, o religioso também falou sobre a guerra entre Rússia e Ucrânia, que iniciou em 24 de fevereiro de 2022. “Não esqueçamos de pedir o dom da paz para as populações que sofrem com a guerra, especialmente para a atormentada Ucrânia”, concluiu.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Embalos & Loterias