Domingo, 23 de junho de 2024

Domingo, 23 de junho de 2024

Voltar Justiça concede pedido de recuperação judicial à Fundação Universitária de Cardiologia

O juiz Gilberto Schafer, da Vara Regional Empresarial de Porto Alegre, deferiu o pedido de recuperação judicial da FUC (Fundação Universitária de Cardiologia), responsável pelo Instituto de Cardiologia de Porto Alegre e pela administração de outras cinco instituições de saúde. O despacho foi publicado na manhã desta segunda-feira (27).

A partir de agora, a FUC está oficialmente em recuperação judicial e inicia um novo período da sua reestruturação. No prazo de 60 dias, deverá ser apresentado o plano de recuperação, que é a proposta de pagamento aos credores, de acordo com o advogado João Medeiros Fernandes Jr., sócio do escritório MSC, que está à frente do processo.

“Basicamente, a partir deste momento, a FUC fica protegida e autorizada a negociar suas dívidas, como forma de manter suas atividades de vital importância para o ensino e a saúde. Temos o prazo de 60 dias, a partir da intimação, para apresentar o plano”, explicou Fernandes.

A FUC distribuiu o pedido de recuperação judicial no dia 20 deste mês. A medida tem como objetivo manter a instituição e suas filiais abertas, garantindo, assim, a prestação de serviços médicos à sociedade.

Além do Instituto de Cardiologia de Porto Alegre, a instituição é responsável pelo Hospital de Alvorada, Hospital Padre Jeremias, em Cachoeirinha, Instituto de Cardiologia Hospital Viamão, Hospital Regional de Santa Maria e Instituto de Cardiologia e Transplantes do Distrito Federal.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Manhã