Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Voltar Grêmio faz 3 a 1 no Guarani e vence a primeira partida pela Série B na Arena

O Grêmio entrou em campo na Arena, na tarde desta quinta-feira  (21), feriado de Tiradentes, para enfrentar o Guarani, em partida válida pela 3ª rodada do Campeonato Brasileiro Série B. Com gols assinalados por Diego Souza, o Tricolor bateu a equipe de Campinas (SP) pelo placar de 3 a 1.

Com o resultado, Grêmio sobe para a zona de classificação, ocupando a terceira posição com 4 pontos.

Primeiro tempo

Logo no primeiro minuto de jogo, os gremistas já mostraram efetividade e na primeira chegada ao campo de ataque, abriram o marcador. A jogada iniciou com Biel invadindo a área e acionando Diego Souza mais à direita. O centroavante dominou e chutou cruzado, mandando para o fundo das redes.

Pressionando os adversários, em uma nova oportunidade, o Tricolor chegou pela esquerda, quando Bitello rolou para Lucas Silva, que tentou passar pela marcação, mas o volante acabou desarmado. Já o Guarani ameaçou com um chute de longa distância, quando Giovanni Augusto arrematou da intermediária, mas a bola foi defendida por Brenno, passados 5 minutos. Na sequência, o mesmo atacante adversário iniciou um contra-ataque e rolou para Bruno José, que finalizou, para outra defesa do goleiro gremista.

Com 14 minutos de bola rolando, Edílson precisou ser substituído por Rodrigo Ferreira, pois sentiu a posterior da coxa e não conseguiu dar sequência ao jogo.

A partida seguiu movimentada, com ambas as equipes buscando o jogo. A melhor oportunidade dos visitantes saiu aos 15’, quando Júlio César fez um cruzamento na área, Brenno desviou, mas a bola caiu para Matheus Pereira, que finalizou forte, por sorte, para fora. Quatro minutos depois, foi a vez do Grêmio arriscar de longa distância, com um chute de Lucas Silva, mas a bola saiu à direita da meta defendida por Maurício. Insistindo agora pela direita, Rodrigo Ferreira fez uma linda jogada e um cruzamento rasteiro na área, mas ninguém chegou para completar.

Aos 21’, a equipe comandada por Roger Machado teve uma boa oportunidade em bola parada, próximo a meia-lua da grande área. Diego Souza bateu forte, rasteiro, mas o goleiro do time paulista defendeu em dois tempos.

O Guarani também insistiu e conseguiu igualar o placar aos 25 minutos. Depois do cruzamento de Rodrigo da direita, Bruno José desviou para o gol e Brenno fez grande defesa, mas no rebote, Matheus Pereira conseguiu levar a melhor e chutar para o fundo do gol.

O Tricolor buscou responder em bola parada, aos 32’. Campaz cobrou escanteio, colocando na área, mas a defesa adversária cortou de cabeça, mandando pela lateral. No contra-ataque, o Guarani chegou com um lançamento em profundidade para Bruno José, que invadiu a área e rolou para Júlio César. O meia finalizou e Brenno fez uma grande defesa, impedindo o gol da virada.

Mas o Grêmio não ficou atrás e buscou voltar a frente no marcador. Num contra-ataque, Nicolas recebeu na esquerda e fez um cruzamento preciso na área buscando Diego Souza, que mergulhou de peixinho e mandou de cabeça, balançando as redes adversárias, com 39’ passados.

Segundo tempo

O técnico Roger Machado mudou a equipe no intervalo, colocando Elias no lugar de Campaz.

Aos dois minutos de bola rolando, o Grêmio quase ampliou o placar com Elias Manoel. Biel se lançou em contra-ataque e invadiu a área em velocidade, acionando o atacante mais à esquerda – o camisa 18 finalizou, mas o goleiro Maurício cresceu e fez uma grande defesa. Outra chance saiu de uma jogada de qualidade de Bitello na linha de fundo, pela esquerda – o volante cruzou na área buscando Elias, mas a zaga adversária cortou.

Passados 10’, o Tricolor ameaçou novamente, desta vez com Rodrigo Ferreira fazendo um cruzamento na área, mas o goleiro da equipe paulista cortou. Os gremistas seguiram criando chances seguidas até o terceiro gol sair. Após uma boa jogada de Nicolas, o Grêmio ganhou escanteio – o lateral mesmo foi quem cobrou, colocando a bola na boca do gol para Diego Souza subir e mandar de novo de cabeça, para o fundo das redes, com 15 minutos da etapa complementar.

As últimas mudanças na equipe tricolor foram providenciadas: Janderson, Diogo Barbosa e Ricardinho nos lugares de Biel, Nicolas e Diego Souza.

O Guarani tentou encostar novamente no placar com um cruzamento de Diogo buscando Matheus Pereira, que finalizou de primeira. Brenno fez grande defesa.

Os gremistas ameaçaram aos 34’, quando Bitello recebeu, desceu pela esquerda e chutou, obrigando Maurício a espalmar, cedendo escanteio.

Mesmo criando diversas chances, o placar não mudou e fechou em 3 a 1 para o Tricolor.

Ficha técnica

Grêmio 

Brenno; Edílson (Rodrigo Ferreira), Geromel, Bruno Alves, Nicolas (Diogo Barbosa); Villasanti, Bitello, Lucas Silva; Campaz (Elias), Biel (Janderson) e Diego Souza (Ricardinho). Técnico: Roger Machado.

Guarani 

Maurício Kozlinski; Diogo Mateus (Lucas Ramon), João Victor, Derlan e Matheus Pereira; Leandro Vilela (Índio) e Rodrigo Andrade; Bruno José, Giovanni Augusto e Júlio César (Yago); Lucão do Break (Lucão). Técnico: Daniel Paulista.

Arbitragem

André Luiz de Freias Castro (GO), auxiliado por Edson Antônio de Sousa e Hugo Xavier Correa (GO).
VAR: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC).

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Bolsonaro anuncia perdão da pena de Daniel Silveira, condenado a 8 anos e 9 meses de prisão pelo Supremo
Cristiano Ronaldo divulga foto de gêmea que sobreviveu ao parto
Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Manhã