Quinta-feira, 18 de julho de 2024

Quinta-feira, 18 de julho de 2024

Voltar Falta um mês para a coroação: Charles e Camilla enviam convite oficial da cerimônia; o que se sabe da festa

A um mês da coroação de Charles III, os últimos preparativos estão sendo finalizados para o evento, que o rei britânico deseja que seja mais sóbrio e moderno que o de sua mãe, Elizabeth II, em 1953. O Palácio de Buckingham apresentou na terça-feira o convite oficial da cerimônia, enviado em nome do rei Charles III e da rainha Camilla, descrita pela primeira vez sem o título de “consorte”.

Três dias de festa

A cerimônia oficial de coroação ocorrerá no sábado, dia 6 de maio, na Abadia de Westminster, mas o Reino Unido está se preparando para três dias de festividades. No domingo, dia 7, a população foi convidada a partilhar um “grande almoço” através de festas de bairro. À noite, um concerto será realizado no Castelo de Windsor, no oeste de Londres.

Por fim, a família real pediu aos britânicos que façam trabalho voluntário na segunda-feira, dia 8 de maio, que é feriado.

Cerimônia mais simples

Enquanto Elizabeth II cumpriu a tradição ao pé da letra, com uma cerimônia de mais de três horas, diante de mais de 8 mil convidados, Charles III decidiu que sua coroação evidenciará seu desejo de uma monarquia mais simples e moderna. Serão cerca de 2 mil convidados, em um ritual que terá a duração aproximada de uma hora.

O arcebispo de Canterbury, Justin Welby, líder espiritual da Igreja Anglicana, conduzirá a cerimônia. O casal real será ungido com um óleo, o Santo Crisma, abençoado e fabricado em Jerusalém, e o rei receberá regalias reais, incluindo um cetro e a coroa de São Eduardo.

Além da música tradicional, haverá novas composições, incluindo uma especialmente criada por Andrew Lloyd Webber, criador de musicais lendários como “Cats”, “O Mágico de Oz” e “Evita”. A família real seguirá então para o Palácio de Buckingham em procissão, antes de acenar para a multidão da varanda.

Convidados

No total, 10 mil ingressos serão sorteados entre os britânicos. A abadia também receberá líderes políticos – o presidente Lula não estará presente –, além de representantes de outras famílias reais. Já confirmaram presença o príncipe Albert de Mônaco, e o príncipe Fumihito e sua mulher, Kiko, da família imperial japonesa.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, informou que será representado pela sua mulher Jill.

Coroação de Camilla

A rainha Camilla, que também será coroada em 6 de maio, quis incluir sua própria família na cerimônia – fruto de seu primeiro casamento com Andrew Parker Bowles –, o que foi visto como uma tentativa de retratar a imagem de uma família moderna.

Seus dois filhos, Tom Parker Bowles e Laura Lopes, estarão presentes. Três de seus netos, Gus, Louis e Freddy, ainda estarão entre os pajens que a acompanham, juntamente com seu sobrinho-neto Arthur. Durante a cerimônia, Camilla usará a coroa da rainha Mary, avó de Elizabeth II.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Manhã