Terça-feira, 23 de julho de 2024

Terça-feira, 23 de julho de 2024

Voltar Em Porto Alegre, avançam os trabalhos de limpeza das estações do Trensurb

Dando prosseguimento às drenagens e limpeza das estações da Trensurb, teve início, nesta quinta-feira (13), a drenagem da água acumulada na Estação Rodoviária da Trensurb, em Porto Alegre. Após a conclusão, na quarta, da drenagem de 10,3 milhões de litros de água da Estação Mercado, os equipamentos e equipe cedidos pela Petrobras foram deslocados para realizar o serviço na estação seguinte.

Na Estação Mercado, a limpeza, já iniciada com a retirada de parte do lixo dos acessos ao local, deverá ser retomada na sexta-feira (14) com empresa especializada em limpeza profunda das estações inundadas, para retirada de todo o lodo e detritos.

Já na Estação Rodoviária, após a conclusão da drenagem, além da limpeza do local, a Trensurb irá trabalhar em parceria com a prefeitura de Porto Alegre a fim de garantir a segurança e agilizar o processo de limpeza do túnel subterrâneo para trânsito de pedestres, que liga a estação do metrô à Rua da Conceição, esquina com Avenida Júlio de Castilhos.

Essa parceria foi articulada em reunião da direção da empresa com o prefeito Sebastião Melo, realizada na manhã desta quinta-feira. No encontro, também foi definido que haverá um trabalho conjunto para a limpeza da casa de bombas da Trensurb, que faz a drenagem da via do metrô no trecho junto à confluência das avenidas Sertório e Voluntários da Pátria.

Os equipamentos ficaram submersos e foram danificados durante a enchente. A partir de sua recuperação, haverá uma transição para que a estrutura passe para a gestão do Departamento Municipal de Água e Esgotos (DMAE) de Porto Alegre.

Nesta quinta-feira, a Trensurb ampliou a oferta da operação emergencial do metrô, reduzindo os intervalos entre viagens de 35 para 20 minutos e ampliando o horário de operação para das 6h às 21h – anteriormente, era até as 20h.

Além disso, com o recolhimento dos trens que estavam na via para o pátio da empresa, foi eliminada a necessidade de transbordo na Estação Unisinos, de modo que os trens circulam em via dupla em todo o trajeto entre as estações Mathias Velho e Novo Hamburgo.

Desde o início da operação dos Trilhos Humanitários da Trensurb, em 30 de maio, já foram transportados 288,5 mil usuários.

 

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Manhã