Domingo, 23 de junho de 2024

Domingo, 23 de junho de 2024

Voltar Em carta a Lula, Milei diz que deseja período de “trabalho frutífero e de construção de laços” entre Brasil e Argentina

Em carta endereçada ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente eleito da Argentina, Javier Milei, afirmou desejar um “trabalho frutífero e de construção de laços” entre o seu país e o Brasil. A missiva foi entregue pela futura chanceler argentina, Diana Mondino, ao ministro das Relações Exteriores brasileiro, Mauro Vieira, neste domingo (26).

“Desejo que o tempo em comum como presidentes e chefes de governo seja uma etapa de trabalho frutífero e de construção de laços que consolidem o papel que Argentina e Brasil podem e devem cumprir no acordo das nações”, disse Milei em um trecho da carta.

Ele também reconheceu as ligações geográficas e estratégicas entre os dois países. “Sabemos que nossos países estão estreitamente ligados pela geografia e história e, a partir disso, desejemos seguir compartilhando áreas de complementariedade em nível de integração física, comércio e presença internacional, que permitem que toda esta ação conjunta se traduza, para ambos os lados, em crescimento e prosperidade para argentinos e brasileiros.”

Na mensagem, Milei convidou Lula para a sua posse, marcada para 10 de dezembro, e afirmou que o presidente brasileiro “sabe e valoriza” o significado do momento de transição de governo.

O presidente eleito da Argentina disse que os dois países “têm muitos desafios” pela frente e que acredita que mudanças, baseadas nos “princípios da liberdade”, posicionarão Argentina e Brasil como “países competitivos”.

A carta termina com Milei dizendo que espera encontrar Lula na sua posse. O presidente eleito da Argentina ainda afirmou: “Receba a minha saudação, com estima e respeito”.

Futura chanceler

A futura chanceler da Argentina, Diana Mondino, se reuniu com o ministro Mauro Vieira em Brasília, neste domingo. Na ocasião, os representantes dos dois países conversaram sobre as relações entre as nações e acordos comerciais.

Após a reunião, ela concedeu entrevista a jornalistas e disse que a parceria com o Brasil vai continuar. Durante a visita, a futura chanceler entregou um convite para que Lula participe da posse de Milei.

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário

No Ar: Show Da Manhã