Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Quinta-feira, 19 de maio de 2022

Voltar Edenílson alega possível injúria racial de jogador do Corinthians

O meio-campista Edenílson, do Inter, denunciou ao árbitro Bráulio da Silva Machado uma possível injúria racial sofrida durante a segunda etapa da partida. O caso envolveria o português Rafael Ramos, lateral-direito do Corinthians. O camisa 8 colorado ficou descontrolado após disputa de bola com o jogador corinthiano.

As câmeras da transmissão flagraram o momento em que Rafael Ramos possivelmente chama Edenílson de “macaco”, o que configuraria injúria racial. O jogador do Corinthians foi substituído pelo técnico Vítor Pereira logo após o incidente.

Já na zona mista, Roberto de Andrade, vice de futebol do Corinthians, negou que o jogador do Timão tenha utilizado o termo “macaco” para se referir a Edenílson: “O Rafael disse pra ele que não falou nada de injúria racial. Ele falou ‘mano cara@#%’.”

O Inter divulgou uma nota lamentando o fato ocorrido e prestando solidariedade ao atleta. Confira a manifestação na íntegra:

“Mais uma vez, um lamentável caso de racismo é registrado no futebol nacional. Desta vez, em nossa casa, contra um jogador do Internacional. Na partida deste sábado (14/05), pelo Campeonato Brasileiro, Edenilson relata ter sofrido injúria racial por parte de Rafael Ramos, atleta do Corinthians. É inadmissível que ainda ocorram fatos desse tipo em 2022, não há espaço para o racismo em nossa sociedade. O Clube do Povo reitera que repudia todo e qualquer ato de preconceito e apoia o seu atleta.”

A Rádio Grenal segue acompanhando os desdobramentos do caso.

 

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Internacional tenta repatriar Charles Aránguiz
Inter empata em 2 a 2 com o Corinthians e desperdiça a chance de ingressar no G-4 do Campeonato Brasileiro
Deixe seu comentário

No Ar: SHOW DA TARDE