Quinta-feira, 30 de junho de 2022

Quinta-feira, 30 de junho de 2022

Voltar Duelo no Equador abre nesta quarta-feira a participação do Inter na Copa Sul-Americana de 2022

Já instalado em hotel na cidade de Manta, no Equador, o Inter inicia às 21h30min desta quarta-feira (6) a sua participação na Copa Sul-Americana de 2022, torneio que já conquistou em 2008. A equipe enfrenta o 9 de Octubre e, ainda na primeira fase, o Guaireña (Paraguai) e o Independiente (Argentina), em jogos de ida e volta.

A delegação que desembarcou na cidade litorânea tem como desfalques o zagueiro Victor Cuesta (gastroenterite), o meia D’Alessandro (entorse no tornozelo direito) e o atacante Gustavo Maia (virose).

Além deles, estão no departamento médico o lateral Moisés (lesão no joelho direito), o meia Estevão (suspensão) e os atacantes David e Wanderson (ambos com lesão na coxa direita).

O técnico colorado Alexander Medina comandou um treino local nesta terça-feira (5). Ele deve colocar em campo no início do primeiro tempo uma escalação formada por Daniel, Fabricio Bustos, Bruno Méndez, Kaique Rocha, Liziero, Gabriel, Johnny, Maurício, Edenílson, Taison e Wesley Moraes.

Título invicto

O Inter – que na segunda-feira (4) completou 113 anos de fundação – já venceu uma vez a Copa Sul-Americana, de forma invicta, na edição de 2008. Na época, a equipe era comandada por Tite – atual técnico da Seleção Brasileira – e teve nas finais contra o Estudiantes (Argentina) dois atletas do atual elenco: D’Alessandro (titular, em seu primeiro ano no clube) e Taison (reserva, sem entrar em campo).

(Marcello Campos)

Voltar

Compartilhe esta notícia:

Lira defende privatizar Petrobras; Pacheco contesta e fala em “patrimônio nacional”
Dois jovens brasileiros entram no ranking de bilionários da Forbes; saiba quem são
Deixe seu comentário

No Ar: Embalos & Loterias